• Sâmia Simurro

A ANSIEDADE COMO UM DOS FATORES CRÍTICOS DE STRESS NO TRABALHO

AUTORA: Simurro, Sâmia  A. B.; Nicoletti, Êdela A., Skarbnik, Rachel Z.


A ANSIEDADE COMO UM DOS FATORES CRÍTICOS DE STRESS NO TRABALHO

INSTITUIÇÃO:

SÊR – Serviços em psicologia


INTRODUÇÃO:

A nossa convivência diária com o stress enquanto indivíduos, equipes e organizações resultam em conflitos e baixa produtividade nas empresas. O stress é um problema tanto individual como organizacional. As inúmeras exigências impostas pela vida e pelo trabalho tornam este problema difícil de se equacionar.


OBJETIVOS:

Este trabalho teve o objetivo de identificar os eventos de vida e fatores críticos de stress mais freqüentes na população de uma empresa de seguros, para a implementação de um programa de gestão de stress.


METODOLOGIA:

Sujeitos: A pesquisa exploratória foi realizada através de uma avaliação de stress dos 130 funcionários.

Instrumentos: Esses indivíduos foram avaliados através da aplicação de um instrumento Geral de Avaliação de Níveis de Stress (IGANS) desenvolvido pelo SÊR – Serviços em Psicologia. Procedimentos: Esse instrumento investiga eventos de vida, sintomas físicos e psicológicos associados ao stress. Realizou-se em seguida as análises qualitativa e quantitativa.


RESULTADOS:

Os 82% dos funcionários avaliados apresentou níveis de stress preocupantes. Eventos de vida como responsabilidade com a casa (83,3%), expectativas profissionais (83,4%), convívio com a família (78,6%), remuneração (73,8%), trânsito (71,4%), mudanças no trabalho (64,3%), mudança da condição financeira (64,3%), jornada extra de trabalho (62%), atividades extra trabalho (57,1%), doenças na família (57,1%), mudança de hábitos pessoais (54,7%), mudança de hábito alimentar (52,4%) e falta de férias (54,8%) foram mais os assinalados. Os sintomas fiscos mais encontrados nesta população foram: mudança de peso (71,4%), cansaço excessivo (66,6%) e dores (54,8%). Os sintomas psicológicos relevantes foram ansiedade (78,6%), insatisfações (64,3%), vontade súbita de iniciar novos projetos (61,9%), hipersensibilidade emotiva (59,5%), irritabilidade excessiva (59,5%), medo (57,1%), tristeza

(57,1%), falta de energia (57,1), dificuldade para relaxar (57,1%), tensão (52,4%) e alteração do humor (50%).


CONSIDERAÇÕES FINAIS: 

O diagnóstico do stress é ferramenta essencial para os programas de melhoria da qualidade de vida dos funcionários. A compreensão dos resultados encontrados neste diagnóstico ajuda a identificar os grupos de risco e a melhorar o gerenciamento dos dados. Os altos níveis de ansiedade têm mostrado que este é um dos principais fatores críticos entre os sintomas psicológicos e um programa de gerenciamento da ansiedade se faz necessário.


#dicasdeblog #WixBlog

0 visualização

Psicologia & Coaching

Telefone - SER
Email - SER
Facebook - SER

+55 11 3284-5337 

ser@ser-psi.com.br

 

Av. Brigadeiro Luís Antônio,2503, cj 14, Jardim Paulista, São Paulo - SP

Telefone - Rachel
Email - Rachel
Linkedin - Rachel

+55 11 97206-4478

rachel@ser-psi.com.br

Rachel Skarbnik

Telefone - Sâmia
Email - Sâmia
Linkedin - Sâmia

+55 11 97206-4476

samia@ser-psi.com.br

Sâmia Simurro

© 2019 por SER-PSI